Últimas Notícias
Home / Notícias / Primeiro encontro do novo Conselho de Presbíteros

Primeiro encontro do novo Conselho de Presbíteros

No passado dia 20 de novembro, esteve reunido na Casa do Clero o Conselho de Presbíteros da Diocese de Vila Real, na primeira sessão após a sua eleição e nomeação. Foi o primeiro conselho presidido pelo nosso novo Bispo, D. António Augusto Azevedo.

A reunião do Conselho começou com a oração e a eleição do Secretariado que coordenará o Conselho no próximo triénio. Foram escolhidos: como moderador o Pe Sérgio Dinis, como secretário o Pe Márcio Martins, e como vogais o Pe Manuel Coutinho e o Pe Manuel Queirós. Em cumprimento dos estatutos e do Direito Canónico, foram ainda escolhidos dois párocos para auxiliar o Bispo nas situações de remoção ou transferência coerciva de párocos, sendo eleitos os padres Hélder de Sá e Manuel Machado.

Dando início a ordem de trabalhos, D. António Augusto fez uma intervenção introdutória em que referiu a importância do Conselho Presbiteral no apoio à missão do Bispo e do sinal de comunhão e unidade do presbitério que representa. Sublinhou ainda que a atividade do Conselho Presbiteral é fundamental para uma pastoral renovada, com uma marca missionária e um estilo sinodal. Quanto ao primeiro assunto a ser debatido – “Reflexão e partilha sobre o futuro do Edifício do Seminário”- o Bispo disse que é inadiável estudar a questão e tomar decisões, uma vez que existem algumas propostas a que é necessário responder, sem perder de vista as necessidades da diocese. Pediu que todos que contribuíssem com as suas opiniões e propostas, num debate feito com serenidade, comunhão e realismo. Depois de uma apresentação sumária das várias propostas para o edifício, feita pelo Vice-Reitor do seminário, Pe. João Curralejo, os conselheiros apresentaram sugestões, em nome do arciprestado que representam ou a título pessoal, acerca da melhor solução para o futuro do edifício do seminário.

No ponto seguinte da agenda, foi abordado o tema da celebração do Centenário da Diocese. Foram apresentadas algumas propostas: a realização de um Sínodo Diocesano, a criação de um hino, um logotipo, peregrinações dos vários lugares da Diocese ao coração da Diocese e também a descentralização das comemorações. Por sugestão do Bispo, foi criada uma comissão, saída do Conselho, que em conjunto com o Pe Manuel Queirós, Vigário da Pastoral, irá preparar o programa comemorativo do centenário. Foram eleitos: Pe João Costa, Pe Abel Canavarro, Pe Márcio Martins, Pe João Curralejo e Pe Victor Pereira.

No último ponto, relativo às perspetivas pastorais a propósito da canonização do Frei Bartolomeu dos Mártires, devido ao adiantado da hora, foi apenas referida a importância de valorizar o culto do santo e celebrar a sua festa no dia 18 de julho, e ainda a necessidade de dar a conhecer melhor a sua vida de santidade, pois existe ainda muito desconhecimento por parte do Povo Deus da Diocese. O Conselho de Presbíteros encerrou com um almoço de confraternização.