Rumo à JMJ Lisboa 2023

O símbolo da Jornada Mundial da Juventude, Lisboa 2023, representado pela Cruz, foi acolhido na Eucaristia de Domingo de Ramos, na Sé Catedral de Vila Real, presidida pelo Bispo desta diocese, D. António Augusto Azevedo.

A cruz, ícone por excelência das JMJ, foi entregue aos jovens por São João Paulo II em 1984, marcando assim o início de uma peregrinação da juventude de todo o mundo. Em 2002, o mesmo papa confiou aos jovens o Ícone de Nossa Senhora «Maria Salus Populi Romani».

No Domingo de Cristo Rei, em novembro passado, o Papa Francisco entregou a uma pequena delegação portuguesa a cruz e o ícone de Nossa Senhora. Foram apresentados a Portugal em fins de janeiro e estão, para já, guardados na Sé Catedral de Lisboa pois, por via da conjuntura pandémica, ainda não iniciaram a peregrinação prevista pelas dioceses do país.

O Comité Organizador Local (COL), levou a cabo a criação de réplicas de pequenas cruzes com o logótipo da Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023, tendo enviado um exemplar a cada diocese.

O Comité Organizador Diocesano de Vila Real (COD) escolheu o Domingo de Ramos para a apresentação deste símbolo à diocese de Vila Real por este ser um dia de forte simbolismo que nos leva a olhar e a centrar a nossa vida na cruz.

Assim, a presença desta cruz na nossa diocese convida, especialmente aos jovens, a colocar na agenda o verão de 2023 para participar com o papa na JMJ Lisboa 2023. Também os adultos são convidados a estar presentes em oração e são interpelados ainda a acolher nos seus lares os jovens que, oriundos de qualquer lugar do mundo, possam querer visitar a nossa diocese nos dias das pré-jornadas, na semana anterior à JMJ.

Caminhamos Juntos até a Jornada Mundial da Juventude 2023

COD Vila Real