Últimas Notícias

Faleceu o padre Delmino

O padre Delmino Rodrigues Fontoura nasceu a 11 de novembro de 1936 na freguesia de Mairos, concelho de Chaves.

Desde muito cedo contactou com diversas vocações no seu meio familiar. Não apenas através do matrimónio dos seus pais, mas através de duas irmãs, uma tia e uma prima que seguiram a vida religiosa, em diferentes congregações. Mais tarde, também ele decidiu ingressar no Seminário de Vila Real, tendo sido ordenado sacerdote no dia 10 de junho de 1960.

Após a sua ordenação, ao longo de cerca de um ano, foi coadjutor na cidade de Chaves e também professor de educação musical no Colégio e na Academia de Música da cidade flaviense. Mais tarde, foi nomeado pároco de Alvarelhos, Oucidres e Tinhela, no concelho de Valpaços.

Ainda na década de 60, foi nomeado pároco de Mairos, Paradela de Monforte, São Vicente da Raia e Travancas, no concelho de Chaves. Em 2014 foi dispensado da paróquia de São Vicente da Raia, mantendo as restantes até à atualidade.

O Pe. Delmino era conhecido pelo seu bom humor, pela sua grande capacidade de acolher e ajudar o próximo e pelo seu gosto pela música. Marcava presença na comunicação social, lutava pela promoção da qualidade de vida das suas comunidades, dos acessos, da dimensão social, fundando dois centros sociais, um em Mairos e outro em Travancas, a fim de conseguir dar respostas aos mais necessitados. Partilhava e defendia muitas vezes a seguinte frase: «se eu não acreditasse naquilo que digo e faço, seria a pessoa mais infeliz deste mundo».

Faleceu dia 18 de setembro, com 85 anos de idade e 62 de sacerdote.

O funeral realiza-se na próxima terça-feira, 20 de setembro, pelas 10h30, na Igreja Paroquial de Mairos.

O Senhor o faça participar na liturgia celeste,
ele que exerceu na terra o ministério sagrado.