Últimas Notícias

Mensagem para o Dia Mundial da Juventude

DIA MUNDIAL DA JUVENTUDE
20 de novembro de 2022

MENSAGEM AOS JOVENS

Caríssimos jovens da diocese de Vila Real:

Neste domingo, segundo a vontade do Papa Francisco, assinalamos o Dia Mundial da Juventude. Como vosso Bispo, irmão mais velho na fé, desejo que este seja um dia de festa, de encontro e de esperança.

Este dia é dedicado a vós, para que sintais a importância que tendes na vida da Igreja e na sociedade. O vosso papel é fundamental no presente porque sois o «agora de Deus» e será decisivo para o futuro. Hoje é dia de festa, dia para celebrar a vossa vida, os vossos sonhos e projetos, aquilo que Deus vai fazendo de único e original em cada um e cada uma de vós.

Convido-vos a fazer deste dia uma ocasião de encontro. Para isso é indispensável levantar-se, desinstalar-se, sair de si para ir ao encontro dos outros. Só em conjunto, uns com os outros, podereis concretizar muitos dos vossos projetos. Não esqueçais também a necessidade de sair ao encontro dos mais velhos, dos mais frágeis ou marginalizados.

O encontro com os outros não pode esgotar-se no evento efémero mas é estímulo para fazer caminho. Que a celebração deste dia reforce a vossa disposição para caminhar com a Igreja e anime a vossa determinação para caminhar em direção à Jornada Mundial da Juventude (JMJ-Lisboa 2023). Este é o momento para que todos se inscrevam e se organizem nos grupos, paróquias e arciprestados. A recente Peregrinação dos Símbolos, a cruz e o ícone de Maria, pela nossa diocese, demonstrou que, quando os jovens se envolvem, podem acontecer coisas bonitas.

Este domingo é dia de esperança. Apesar de alguns sinais de preocupação que ensombram o presente e suscitam dúvidas sobre o futuro, a celebração deste dia mundial é ocasião  para afirmar a nossa confiança na nova geração. Confiamos em vós, acreditamos que sois (e sereis) capazes de fazer coisas grandes e belas. Mas, neste dia solene, afirmamos que a raíz da nossa esperança é Deus que nos enviou o seu Filho, Jesus Cristo, como Senhor da História e Rei do Universo. Ele ressuscitou e está vivo, a todos ama e a todos quer salvar. Acreditamos que Ele é o Alfa e o Ómega, Ele terá a última palavra e essa será de vitória da vida, da alegria e da paz.

A terminar, convido toda a comunidade diocesana a partilhar da alegria dos jovens, a dispôr-se a acolhê-los em todos os âmbitos da vida da Igreja e a saber escutá-los nos seus sonhos, projetos e dificuldades.

Caros jovens, neste ano do centenário da nossa diocese, deixo-vos o apelo a que sejais «jovens com raízes». Como exortava o Papa Francisco: «cuidai das próprias raízes porque das raízes vem a força que vos vai fazer crescer, florescer, frutificar»(CV,185).

Vila Real, 17 de novembro de 2022

+António Augusto de Oliveira Azevedo
Bispo de Vila Real