Últimas Notícias

D. António Valente da Fonseca

2º Bispo da Diocese de Vila Real
(1933-1967)

Nascimento:
*19 de novembro de 1884, em Válega

Falecimento:
*26 de fevereiro de 1961, em Vila Real

Ordenação Presbiteral:
*21 de dezembro de 1907, na Basílica de São João de Latrão

Ordenação Episcopal:
*21 de fevereiro de 1932, na Sé Nova do Porto.

Estudos:
*Válega
*Ovar
*Seminário beneditino de Cucujães
*Seminário Maior do Porto (Carvalhos)
*Filosofia e Direito Canónico na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma

Cargos Pastorais:
*Foi pároco de Gondomar, entre 1914 e 1923.
*Foi nomeado bispo titular de Céramo e auxiliar de Vila Real a 23 de outubro de 1931.
*Foi bispo auxiliar de Vila Real entre 1932 e 1933.
*A 31 de maio de 1933 passou a ser o bispo titular da diocese de Vila Real.
*Dedicou-se na implantação da Ação Católica na diocese.
*Apoia com donativos pessoais as Florinhas da Neve e aposta fortemente na catequese paroquial, ligando-a às vocações sacerdotais.
*Publica a exortação pastoral “Os deveres da hora presente: produzir e poupar, rezar e fazer penitência” a 10 de fevereiro 1942.
*O seminário foi o centro das suas preocupações: entre 1933 e 1953 tudo fez para concluir as obras.
*A diocese (Ação Católica) presta-lhe uma homenagem apoteótica no dia 31 de maio de 1951, concentrando mais de vinte mil pessoas na Avenida Carvalho Araújo.
*Publicou um catecismo da doutrina cristã para uso na diocese e livro de orações para os seminaristas.
*Em 1954 decorreu a visita da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima.
*Em 1961 foi marcante a passagem das relíquias do Santo Condestável por Vila Real.
*Participou nas três sessões do Concílio Vaticano II e incentivou os padres a promoverem o ensino liceal com os colégios das vilas, em regime de extensões.
*Resignou a 10 de janeiro de 1967 e viveu os últimos anos no Seminário.
*Faleceu a 26 de fevereiro de 1972 e foi sepultado no cemitério de Santa Iria, em Vila Real.