Jornada de reflexão e oração do clero

“Amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus” (1Jo 4,7)

A manhã desta sexta-feira, dia do Sagrado Coração de Jesus e jornada de oração pela santificação dos sacerdotes, foi vivida pelo clero da diocese em reflexão e oração. Não sendo aconselháveis reuniões, o encontro aconteceu on-line, numa plataforma digital.

A orientar a reflexão esteve o cónego P. João Carlos Morgado, da diocese vizinha de Lamego, que começou por apresentar uma perspectiva histórica da grande devoção ao Sagrado Coração de Jesus a partir do contexto em que surge, depois do concílio de Trento, os grandes santos que a desenvolveram e as principais abordagens do Magistério, terminando a apontar as grandes características dum coração sacerdotal.

Para ajudar à reflexão abordou alguns nomes significativos como S. Francisco de Sales e S. Joana Francisca de Chantal, S. Margarida Maria Alacoque e S. João Maria Vianney, o santo Cura d’Ars, patrono dos párocos.

Não deixou de referir algumas reflexões do papa emérito Bento XVI que proclamou um ano sacerdotal, 2009-2010, com o lema “Fidelidade de Cristo, fidelidade dos sacerdotes” e, a partir de uma carta aos padres do papa Francisco concluiu indicando as cinco grandes características dum coração sacerdotal: a gratidão, a misericórdia, a compaixão, a vigilância e a coragem.

Houve algum tempo para debate com o orientador e o senhor bispo concluiu com palavras de apreço à dedicação de todos os padres ao ministério e pedindo uma grande valorização do testemunho pessoal de cada um.

A manhã concluiu-se com a oração da Hora Intermédia, incluída num momento de adoração ao Santíssimo Sacramento na capela do Seminário, transmitida pelo canal youtube da diocese.